Apresentação

 

  A Emigrateca Portuguesa constitui um repositório de documentos relacionados com um dos fenómenos estruturais mais antigos da nossa sociedade, a emigração, partilhado pelo autor com a Biblioteca do Museu do Casal de Monte Redondo (Leiria).

  Durante uma década (2009 a 2019) funcionou como plataforma aberta divulgando textos académicos e de investigação sobre o fenómeno emigratório português, isoladamente e na sua articulação com as migrações internacionais. Pretendemos, então, contribuir para o seu conhecimento em diversos momentos e territórios e para o estreitar de uma rede de cientistas sociais interessados nesta problemática. Reconhecendo que ao longo deste período foram sendo estruturadas novas equipas e centros de investigação dotados de outros meios e apoios, entendemos dar por cumprida a missão inicial reduzindo as referências bibliográficas desta página às que, ao longo do tempo, nos foi possível redigir sobre o mesmo assunto. 

  Não podendo dissociar as migrações do seu contexto geográfico e social tanto nas áreas de origem como de destino onde residem diversas comunidades de portugueses, retemos ainda exemplos de estudos realizados sobre as comunidades portuguesas residentes no estrangeiro, a que associamos outros trabalhos sobre a população e o desenvolvimento sócio-económico e cultural  português durante as últimas décadas. 

  Evocando todos os que nos acompanharam no estudo deste tema e louvando os que nos sucedem nesta tarefa, realçamos a longa evolução destes movimentos e a sua importância nacional e regional na sua relação com outros fenómenos sociais e contributo na evolução da nossa sociedade.

  Os textos pessoais da Emigrateca Portuguesa abarcam facetas distintas da nossa emigração, a saber:

  – memória e evolução: Memorial da Emigração I;

  – traços de comunidades portuguesas residentes em países estrangeiros: Lusitanis in Diáspora II;

  –  contributos da Geografia Humana, Análise Social da Educação e Desenvolvimento Local: Migrações e Desenvolvimento III.

  Esta sequência é completada com outros trabalhos  sobre o território e a sociedade da nossa Pátria de origem integrados na página: Estudos Gerais de Monte Redondo. No seu conjunto esta inclui contributos que incidem sobre o antigo domínio Leirenense: Memorial de Monte Redondo e outros que abarcam temas diversificados sobre o nosso sistema geográfico e o sistema de ensino: Espaço e Sociedade.

  Jorge Carvalho Arroteia

  11 de Fevereiro de 2021

 

I – Memorial da Emigração 

 

  • Obras do autor

2020 – Comunidade Intermunicipal da Região de Aveiro – Memória e ação: 1989-2019. Aveiro: Comunidade Intermunicipal da Região de Aveiro (30 anos em Comunidade Intermunicipal)

2020 Migrantes e peregrinos na bacia do Mediterrâneo: séculos I – XIII. Aveiro: Edição de autor (ISBN: 978-989-997779-5-2), 327 pp.

2019 – Migrações Bíblicas. Aveiro: Tempo Novo, 398 pp –  Jorge Carvalho Arroteia

Migrações Bíblicas – Capa

2017 De Portugal para o Mundo: gentes e rotas da Lusofonia. Macau: Instituto Politécnico de Macau, 338 pp.

2007A população portuguesa: memória e contexto para a acção educativa. Aveiro: Universidade de Aveiro, 274 pp.

1987Ensaio tipológico dos movimentos migratórios portugueses. Porto: Secretaria de Estado das Comunidades Portuguesas/Centro de Estudos, 45 pp.

1986 – “Ensino e emigração”. In: O Futuro da Educação nas novas condições sociais, económicas e tecnológicas. Aveiro: Universidade de Aveiro, pp. 341-375

1986 – Sociologia das Migrações – Relatório sobre o programa, o conteúdo e os métodos de ensino da disciplina de Sociologia das Migrações. Aveiro: Universidade de Aveiro, 69 pp. (Policopiado)

1985 A Evolução demográfica portuguesa – reflexos e perspectivas. Lisboa: Instituto de Cultura e Língua Portuguesa (I.C.L.P.), 119 pp. (Biblioteca Breve, nº 93).

1983 – A Emigração portuguesa – suas origens e distribuição. Lisboa: Instituto de Cultura e Língua Portuguesa (I.C.L.P.), 172 pp. (Biblioteca Breve, nº 79).

1983  – Os Ílhavos e os Murtoseiros na emigração portuguesa. Aveiro: Universidade de Aveiro (Tese de Doutoramento) Editada em 1984: ADERAV – Associação para o Desenvolvimento do Património Natural e Cultural da Região de Aveiro, 239 + XIII pp.

1981 – “Sobre a evolução e destinos da emigração portuguesa – II”. Aveiro: Boletim da ADERAV, 2 (4), pp. 18-22, 1981

1980 – “Sobre a evolução e destinos da emigração portuguesa – I” Aveiro: Boletim da ADERAV, 1 (3), pp. 26-30, 1980.

 

  •   Em colaboração:

1984 –  ARROTEIA, Jorge & ROCHA-TRINDADE, Maria Beatriz Bibliografia da emigração portuguesa. Lisboa: Instituto Português de Ensino à Distância, 90 pp. (col. Temas de Cultura Portuguesa)

1984 – ARROTEIA, Jorge & ROCHA-TRINDADE, Maria Beatriz A emigração. Lisboa: Ministério da Justiça/Centro de Estudos Judiciários, 34 pp. + Anexos (Cadernos do C.E.J.).

 

  •   Capítulo de livro:  

2013 –  “Uma visão retrospectiva sobre as migrações portuguesas”. In: Actas do Seminário: A emigração portuguesa na Primeira República. Fafe: Município de Fafe, pp. 125-140 (Org. ROCHA-TRINDADE, M. B., e ALVES, Isabel Ferreira) 

2008 – “A emigração portuguesa dos anos 50”. in: Os anos de Salazar (Vol. 9). Lisboa: Planeta Agostini, pp. 121-129 

1990 – “L’émigration portugaise vue du Portugal: bilan des recherches”, “Immigration et enseignement du Portugais en Aquitaine”. In: Les portugais en Aquitaine. Bordeaux : CENPA-CESURB / Maison des Sciences de l’Homme de l’Aquitaine, pp. 137-163 ; 165-181, 1990 (Travaux et Documents du CENPA – 4)

1988 – “Aspects régionaux de l’émigration Portugaise vers le Brésil au XIX siècle”. In: Actes du Colloque: Portugal, Brésil, France, – Histoire et Culture. Paris : Fondation Calouste Gulbenkian – Centre Culturel Portugais, pp. 41-55

1986 – “L’émigration portugaise vue du Portugal: bilan des recherches”. In: L’Imigration Portugaise en Aquitaine. Bordeaux : Centre d’Études Nord du Portugal – Aquitaine/Centre d’Études des Espaces Urbains, pp. 5-38  (Travaux et Documents du CENPA, 3) 

 

  • Notas e Artigos

2012 – “Migrações e mestiçagem: encontros”. In: Latitudes. Paris: Association: Cahiers Lusophones, nº 43, 2012, pp. 3-8 

2011 – “A emigração portuguesa: uma breve retrospectiva”. In: Cadernos Vianenses. Viana do Castelo: Câmara Municipal, Tomo 45, 2011, pp. 37-47 

2010 – “Mancebos e emigrantes”. In: Latitudes. Paris – Association: Cahiers Lusophones, nº 37, 2010, pp. 3-7.

2010 – “Portugueses em diáspora: identidade em cidadania”. In: População e sociedade. 18, Porto: Centro de Estudos da População, Economia e Sociedade, 2010, pp. 145-161

2009 – “Emigrantes e Irmandades de origem portuguesa no Brasil: as Santas Casa de Misericórdia”. In: SOUSA, Fernando – Coord. Nas duas margens: os portugueses no Brasil. Porto: Centro de Estudos da População, Economia e Sociedade, 2009, pp. 41-50

2000 – “As relações Espanha-Portugal e a acção da imigração portuguesa – o caso da imigração na bacia de Léon”. In: População e Sociedade. Porto: Centro de Estudos da População e Família-Universidade do Porto, nº 6, pp. 73-82. 

1991 – “Portugal”. In: Politische Bildung fur Europa. Bonn: Bundeszentrale fur politische Bildung, pp. 296-307

1986 – “A Emigração portuguesa: características e perspectivas recentes”. In: Povos e Culturas de Expressão Portuguesa. Lisboa: Universidade Católica, pp. 129-147 

1983 – “A emigração portuguesa no Distrito de Coimbra: breve perspectiva histórica e demográfica”. In: Desenvolvimento Regional. Coimbra: C.C.R.C., 16, pp. 53-77

1981 – “Portugal e a emigração”. In: Revista de História Económica e Social. Lisboa, Cadernos 1-2, pp. 7-30

 

II – Lusitanis in Diáspora

 

  • Obras do autor

2010 – “Migrações e desenvolvimento sustentável: uma abordagem geográfica”. In: POLÍGONOS:Migrações Ibéricas. Memória e processo de Desenvolvimento. Léon: Universidade de Léon – CEPESE, pp. 99-114 (Coord: TRIGAL, L.L., GONÇALVES, O. e ARROTEIA, J. – Actas de Seminário)

1992 – L’enfant portugais dans le contexte migrant portugais au G.D. du Luxembourg. Lisboa: Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação – Universidade de Lisboa/Comission des Communautés Europeénnes, 44 pp 

1986 – A emigração portuguesa no G. D. do Luxemburgo. Porto: Secretaria de Estado das Comunidades Portuguesas/Centro de Estudos, 150 pp.

1983 – O espaço migratório luxemburguês. Aveiro: Universidade de Aveiro (Texto da Prova Complementar de Doutoramento em Ciências Sociais)

1974 – “Aspectos da imigração portuguesa em França”, Lisboa: Instituo de Alta Cultura (Série: Estudos e Documentos – Poliopiado)

 

  • Em colaboração:

1998 – ARROTEIA, Jorge & Pierre ANDRÉ-DOUDIN Trajectórias sociais e culturais de jovens portugueses no espaço europeu: questões multiculturais e de integração. Aveiro: Universidade de Aveiro, 306 pp.

(1994) – ARROTEIA, Jorge & LÓPEZ-TRIGAL (Dir.) et al. La migración de portugueses en España. Léon: Universidade de Léon – Departamento de Geografia, 191 pp. (Série: Monografias, 2) 

1994 – ARROTEIA, J.,  PARDAL, L., MARTINS, A., PORTANTE, D. e LOSCH, J. Avaliação dos cursos integrados em português no sistema de ensino do Luxemburgo”. Lisboa: Departamento da Educação Básica / Ministério da Educação, 1994, 43 pp.

1992 – ARROTEIA, J.,CEPEDA, Francisco e LOPEZ-TRIGAL, Lorenzo). “A emigração portuguesa em Espanha – movimentos da população e mobilidade social dos portugueses de Léon”. (Relatório do Projecto de Investigação financiado pelo CRUP no âmbito das Acções Integradas Luso-Espanholas – 1992 [Acção E-92])

 

  • Capítulo de livro:  

2009 – “O grão-ducado do Luxemburgo: herança e contexto cultural da imigração portuguesa”. in: Migrações. Permanências e Diversidades. Porto: Edições Afrontamento (Biblioteca das Ciências Sociais), pp. 131-147 (Org. ROCHA-TRINDADE, M. B.).

2008 – “A emigração portuguesa dos anos 50”. In: Os anos de Salazar (Vol. 9). Lisboa: Planeta Agostini, pp. 121-129 

 

  • Notas e Artigos 

2001 – “As comunidades portuguesas no mundo”. In: Revista JANUS 2001, Lisboa, Universidade Autónoma / Público, pp: 136-137, 2001

1997 – “O Luxemburgo e a sua população”. In: População e Sociedade. Porto: Centro de Estudos da População e Família-Universidade do Porto, nº 3, pp. 41-81 

1988 – “A criança portuguesa no contexto migratório português no G. D. do Luxemburgo”. In: Enseignement du Portugais au Luxembourg. Lisboa: Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação, 1988, 43 pp.

1986 – “L’Immigration Portugaise au Canada”. In: Estudos Canadianos. Bordeaux : Association Fançaise d’Études Canadiennes, 21 (1), pp. 141-149

1985 – L’éducation des enfants portugais à l’étranger: problèmes et perspectives. Aveiro: Universidade de Aveiro / Centro de Apoio do Ensino da Cultura Portuguesa, 36 + 16 pp.

1985 – “A experiência imigratória do Grão-Ducado do Luxemburgo”. In: Biblos. Coimbra, vol. LXI, pp.71-96 

1983 – “Subsídios para o estudo da população escolar portuguesa em França”, In: Revista da Universidade de Aveiro – Série: Ciências da Educação, 4,1 e 2, pp. 109-132

1982 – “O meio social e a escola em contexto imigratório: o exemplo do Luxemburgo”. In: Revista da Universidade de Aveiro – Série: Ciências da Educação, 3, 2, pp. 119-126

1981 – “A escolaridade de crianças portuguesas no Luxemburgo”. In: Revista da Universidade de Aveiro – Série: Ciências da Educação, 2, 1-2, pp. 168-176

 

III – Migrações e Desenvolvimento 

 

  • Obras do autor

2015 – Portugal XXI – conspecto demográfico. Monte Redondo: Edição de autor (ISBN: 978-989-20-5448-3), 89 pp. 

1999 – Emigração – a segunda geração de emigrantes: perspectivas de integração e de mobilidade social numa comunidade rural. Monte Redondo: Museu do Casal de Monte Redondo, 63 pp. (Cadernos do Património, nº 6)

1992 – Viver e trabalhar na Europa. Lisboa: Ministério da Educação (Programa Dimensão Europeia na Educação), 71 pp. 

1986 – Portugal: perfil geográfico e social. Lisboa: Livros Horizonte: 111 pp.

1985 – Atlas da emigração portuguesa. Porto: Secretaria de Estado da Emigração/Centro de Estudos, 187 pp. (Série: Migrações). 

 

  • Em colaboração:

2010 – TRIGAL, Lorenzo, GONÇALVES, Ortelinda e ARROTEIA, Jorge – Migrações Ibéricas. Memória e processo de Desenvolvimento. Léon: Universidade de Léon – CEPESE (Actas de Seminário)

1994 – ARROTEIA, Jorge & LÓPEZ-TRIGAL (Dir.) et al. La migración de portugueses en España. Léon; Universidade de Léon: Departamento de Geografia, 191 pp. (Série: Monografias, 2) 

 

  • Capítulo de livro:  

2010 – “Migrações e desenvolvimento sustentável: uma abordagem geográfica”. In. TRIGAL, GONÇALVES e ARROTEIA, 2010 (Actas de Seminário)

(2006) – “Portugal: contextos sociais e acção educativa”. In: CARREIRA, Teresa e TOMÉ, Alice – Champs Sociologiques er Éducatifs: enjeux au-delá des frontières. Paris: L’Harmattan, pp. (Colecction: Le travail du social)

– (2005) – “A formação no ensino superior: nota sobre a sua evolução e desafios”. In: TOMÉ, Alice e CARREIRA, Teresa – Ensino, Formação, Profissão Arte. Lisboa: Editorial Minerva, pp. 13-26 (Colecção: “Educação e Ciências da Educação”)

– 2002) – “Recursos humanos e desenvolvimento regional – A mobilidade dos recursos humanos” (Capítulo 10). In: COSTA, José da Silva (coord.) – Compêndio de Economia Regional. Coimbra: Associação Portuguesa para o Desenvolvimento Regional – APDR, pp. 431-440) – 2ª Edição em 2005

1997 – “Poblacion y migraciones”. In: La articulación territorial de la raya hispano-portuguesa (Actas Simposium), Zamora: Fundación Rei Afonso Henriques, 1997, pp. 153-165, (coord: Lorenzo López-Trigal, Rúben Lois González e François Guichard)

1993 – “Emigração e desenvolvimento na Alta Estremadura: reflexões e propostas”. In: 1º Congresso para o desenvolvimento de Leiria e Alta Estremadura – Textos, Leiria: ADLEI-SCRIPTO, pp. 73-85

 

  • Notas e Artigos 

2016 – Portugal XXI: questões de geografia da população. Monte Redondo: Estudos Gerais de Monte Redondo (Policopiado)

1984 – “Ilhavo e Murtosa: dois casos da emigração portuguesa”. In: Emigração e Retorno na Região Centro. Coimbra: C.C.R.C., pp. 123-147

1983 – “A emigração portuguesa no Distrito de Coimbra: breve perspectiva histórica e demográfica”. In: Desenvolvimento Regional. Coimbra: C.C.R.C., 16, pp. 53-77 

 

Deixe um comentário

Filed under Uncategorized